Membranas celulares

Página 1 de 4 1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Texto Forum 1

Mensagem  Admin em Ter Nov 27, 2007 11:08 am

A microcompartimentalização celular

Os lipídios, diferentemente das outras biomacromoléculas têm a tendência de se agregar e formar diferentes estruturas. As membranas de uma célula delineiam compartimentos metabólicos discretos. Evidências demonstram que diferentes lipídios formam diferentes estruturas vesiculares.
Para formar membranas biológicas, os componentes lipídicos mais importantes parecem ser os fosfolipídios, os acidos graxos normalmente nunca aparecem, e o colesterol, que por si só não pode se organizar em bicamadas parece funcionar como modulador da fluidez da membrana.
As membranas são um “mar” organizado de lipídios em estado fluido, no qual diferentes proteínas e lipídios são capazes de difundir e interagir. Diversas estruturas protéicas podem ser encontradas, incluindo: proteínas intrínsecas, periféricas, porinas e lipoproteínas (como por exemplo: os proteolipidios), e parecem mediar tanto o fluxo de moléculas quanto de informações entre os dois compartimentos.
A microscopia eletrônica por criofratura fornece importantes informações sobre essas estruturas celulares, algumas dessas informações são relacionadas às assimetrias tanto da composição de lipídios quanto de proteínas (entre membranas e em cada uma das faces), e outras aos processos de difusão lateral, transversal, entre outros dessas moléculas.

Admin
Admin

Mensagens : 18
Data de inscrição : 20/11/2007

Ver perfil do usuário http://bioquimicauepb.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

questoes

Mensagem  Admin em Qui Nov 29, 2007 2:00 pm

1) Conceitue biomacromoléculas.

2) Quais as diferentes estruturas que os lipidios podem formar?

3)Como o colesterol influencia na fluidez da membrana?

4) O que são poteinas transmembranas, intrinsecas, periféricas, extrinsecas, porinas?

5) Como se formam as lipoproteinas?

6) Qual a importância da assimetria da membrana plasmatica?

7) Todos os tipos de membranas possuem assimetria?

Cool O que se tem em maior quantidade de cada um dos lados dessas membranas?

Admin
Admin

Mensagens : 18
Data de inscrição : 20/11/2007

Ver perfil do usuário http://bioquimicauepb.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

o que biomacromolécula?

Mensagem  Paula em Qui Nov 29, 2007 2:37 pm

o conceito de biomacromoleculas é muito parecido com o conceito de macromoléculas que é: uma molécula orgânica gigantesca, de elevada massa molecular relativa, constituída de unidades estruturais que se repetem. As substâncias constituídas de macromoléculas são denominadas polímeros e, as unidades estruturais que se repetem de monômeros. como exemplo temos: polissacarídeos, lipídeos, ácidos nucléicos e proteínas. Creio que no texto o termo utilizado foi biomacromolécula por ser grandes moléculas relacionadas com atividades biológicas. Very Happy

Paula

Mensagens : 13
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

colesterol na membrana

Mensagem  Paula em Qui Nov 29, 2007 2:44 pm

gente... achei um negócio bem legal falando da fluidez da membrana Wink
só fala um pouco da atuação do colesterol mas quebra o galho...
Arrow A fluidez da membrana é controlada por diversos fatores físicos e químicos. A temperatura influencia na fluidez: quanto mais alta ou baixa, mais ou menos fluida será a membrana, respectivamente. O número de duplas ligações nas caudas hidrofóbicas dos lípidios também influencia a fluidez: quanto maior o número de insaturações, mais fluida a membrana pois menor será a possibilidade de intração entre moléculas vizinhas. Também a concentração de colesterol influencia na fluidez: quanto mais colesterol, menos fluida. O colesterol, por ser menor e mais rígido, interage mais fortemente com os lipídeos adjacentes, diminuindo sua capacidade de movimentação.

Paula

Mensagens : 13
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

assimetria das membranas...

Mensagem  Paula em Qui Nov 29, 2007 3:03 pm

aí vai outra... Laughing
a gente discutiu na sala sobre a assimetria da membrana e surgiu a dúvida se todas as membranas eram assimétricas... eu achei um negócio legal na internet que não responde toda a pergunta mas se nós deduzirmos vamos ver que se todas as membranas são assimétricas...
"Todas as membranas celulares apresentam a mesma organização básica. Elas são constituídas por lipídeos, fosfoglicerídeos (fosfatidilcolina, fosfatidiletanolamina, fosfatidilserina e fosfatidiltreonina), esfingolipídeos e o colesterol."
Assim...
uma membrana é assimétrica
toda membrana tem a mesma organização
logo...
toda membrana é assimétrica!!! drunken
que proteina ela tem mais ou menos eu ainda não sei mas quando eu souber eu envio...

Paula

Mensagens : 13
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

bibliografia

Mensagem  Paula em Qui Nov 29, 2007 3:14 pm

eita eu esqueci a bibliografia...
professor me desculpe... não tire ponto de mim por isso What a Face
aí vai a bibliografia...
de biomacromoleculas eu utilizei dois sites um que eu tirei os exemplo e outro que eu tirei o conceito de macromolécula:
servicos.capes.gov.br/arquivos/avaliacao/estudos
pt.wikibooks.org/wiki/Química:_Macromoléculas -
da fluidez da membrana eu utilizei o seguinte site: http://www.icb.ufmg.br/mor/biocelch/membrana/membrana.html
da assimetria da membrana foi:
http://www.doctorbio.hpg.ig.com.br/Trabalhos/Antonio%20Carlos%20Martinho%20Junior/Membranas%20Celulares/membranas_celulares.htm
foi mau gente...

Paula

Mensagens : 13
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

colesterol na menbrana

Mensagem  Samara Barros em Qui Nov 29, 2007 4:49 pm

bounce O colesterol age como molécula moduladora em membranas, produzindo estados intermediários de fluidez. Se as cadeias laterais estiverem desordenadas, o colesterol apresentará um efeito condensante; se as cadeias laterais estiverem ordenadas, o colesterol induzirá à desordem.
As função da membrana são significativamente afetas pela sua fluidez. À medida que a fluidez aumenta, a permeabilidade à água e outras pequenas moléculas hidrofílicas aumenta. A mobilidade lateral das proteínas integrais aumenta à medida que a fluidez da membrana também aumenta. Um excelente exemplo da função alterada por mudanças na fluidez da membrana é o receptor para a insulina. Conforme a concentração de ácidos graxos insaturados na membrana aumenta, o que se faz crescendo-se células em meio de cultura rico em tais moléculas, a fluidez da membrana aumenta. Isto faz com que o receptor ligue mais insulina.
bibliografia:www.doctorbio.hpg.ig.com.br/.../Membranas%20Celulares/membranas_celulares.htm

Samara Barros

Mensagens : 7
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Conceitue biomacromoléculas.

Mensagem  Alinny Costa em Qui Nov 29, 2007 6:00 pm

Bom, o que eu achei está bem parecido com a resposta de Paula... Aí vaí... Pode ser que ajude a complementar.... Wink

São biomoléculas muito grandes e complexas constituintes dos seres vivos. Todas as biomacromoléculas das células são compostas de moléculas pequenas e simples , as moléculas de unidades fundamentais,a partir de onde todas as macromoléculas são construídas .
A maioria da matéria orgânica nas células vivas consiste de quatro tipos principais de macromoléculas, isto é, ácidos nucléicos , proteínas, polissacarídeos, e lipídios. Cada tipo de sistema molecular é composto por relativamente poucas espécies de pequenas moléculas de unidades fundamentais ligadas covalentemente. As proteínas consistem de cadeias feitas de vinte espécies diferentes de aminoácidos, os ácidos nucléicos são cadeias de quatro unidades nucleotídicas diferentes, e os polissacarídeos são cadeias simples de unidades repetitivas de açúcar..

Os ácidos nucléicos e as proteínas são chamados de macromoléculas informacionais porque as seqüências características das suas unidades fundamentais refletem individualidade genética de uma espécie. Os polissacarídeos , por outro lado, não são moléculas informacionais pois consistem de unidades repetitivas únicas.

È isso..
Há bibliografia: Fui juntando alguns trechos do livro Lehninger Princípios de bioquímica...

Alinny Costa

Mensagens : 11
Data de inscrição : 20/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

proteinas perifericas e transmembranas

Mensagem  Paula em Qui Nov 29, 2007 6:12 pm

proteinas transmembrana... Rolling Eyes
são proteinas que atravessam a bicamada lipídica e são anfipáticas. Elas podem atravessar a membrana uma única vez (proteína transmembrana de passagem única) ou então atravessando várias vezes a membrana (proteína transmembrana multipassagem). As proteínas transmembrana podem ser em a hélice ou arranjados como barris b. Podem ter a função de transportar íons, funcionar como receptores ou como enzimas.
Proteínas periféricas: se prendem a superfície interna e externa da membrana plasmática através de vários mecanismos (por outras proteinas por exemplo).
http://www.ufmt.br/bionet/conteudos/15.09.04/prot_memb.htm

Paula

Mensagens : 13
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sobre lipoproteínas...

Mensagem  Thalyta em Qui Nov 29, 2007 6:40 pm

Pessoal...
Achei umas coisas sobre lipoproteínas !
Pode ajudar a complementar ... mas vou continuar procurando algo mais completo!
Smile

Lipoproteína é um conjunto de proteínas e lipídeos, arranjados de forma a otimizar o transporte dos lipídeos pelo plasma. Os lipídeos não se misturam facilmente com o plasma, que é um meio aquoso.

- As proteinas das lipoproteínas são chamadas de Apoproteínas.
- Os lipídeos são principalmente o Colesterol, os Triglicerídeos e os Fosfoglicerídeos.
- São subdivididas em Quilomicrons, VLDL (Lipoproteínas de Muito Baixa Densidade), LDL (Lipoproteína de baixa densidade) e HDL (Lipoproteína de alta densidade).

BIBLIOGRAFIA: http://pt.wikipedia.org/wiki/Lipoprote%C3%ADna

Thalyta

Mensagens : 12
Data de inscrição : 21/11/2007
Idade : 28

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Pode ajudar a responder as questoes 2 e 3 !

Mensagem  Thalyta em Qui Nov 29, 2007 6:53 pm

Os três principais grupos de lipídios da membrana são os fosfolipídeos, o colesterol e os glicolipídeos.

Os fosfolipídeos possuem uma cabeça polar e duas caudas de hidrocarboneto hidrofóbicas (característica que confere a dupla camada lipídica). As caudas são normalmente ácidos graxos com diferenças no comprimento, o que influi na fluidez da membrana.

As moléculas de colesterol aumentam as propriedades de permeabilidade das duplas camadas lipídicas. Ela torna a bicamada lipídica menos sujeita a deformações, e assim, diminui a permeabilidade da membrana. (essa parte achei meio q com duplo sentido, pois no inicio fala q o colesterol aumenta as propriedades de permeabilidade e no final fala q diminui a permeabilidade da membrana. AFINAL, É O Q ??? ) Crying or Very sad

Os glicolipídeos auxiliam na proteção da membrana plasmática em condições adversas, como pH baixo. Sua presença altera o campo elétrico através da membrana e das concentrações dos íons na superfície da membrana.

A membrana plasmática não é uma estrutura estática, os lipídios movem-se proporcionando uma fluidez à membrana. Os lipídios podem girar em torno de seu próprio eixo, podem difundir-se lateralmente na monocamada, migrar de uma monocamada para outra (flip-flop) que acontece raramente, e movimentos de flexão por causa das cadeias de hidrocarbonetos.

A fluidez da membrana plasmática depende também da temperatura e da quantidade de colesterol, pois quanto maior a temperatura e maior quantidade de colesterol, a membrana é menos fluida.


BIBLIOGRAFIA: http://www.ufmt.br/bionet/conteudos/15.09.04/est_comp.htm

Thalyta

Mensagens : 12
Data de inscrição : 21/11/2007
Idade : 28

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

colesterol e resposta para thalita!!!!!!

Mensagem  Aila em Sex Nov 30, 2007 12:17 pm

O colesterol sua estrutura de anéis e rígida. o colesterol não formará membrana por si só, mas insere – se no interior da bicamada lipídica com seus grupos hidroxila polares próximos aos grupos cabeça fosfolipidica. Nesta posiçao, o seu anel esteróide rígido e em forma de placa interage com – e parcialmente imobiliza – as regiões das cadeias de hidrocarbonetos mais próximas aos grupos das cabeças polares. Dependendo da temperatura, o colesterol interfere da maneiras diferentes na fluidez da membrana. Em lata temperaturas, o colesterol interfere no movimento de cadeias fosfolipídicas de acidos graxos, o que acarreta uma diminuiçao na fluidez da camada externa da membrana, reduzindo assim a sua permeabilidade para pequenas moléculas. em baixas temperaturas ocorre o efeito oposto: á medida que interfere na interaçao entre cadeias de acidos graxos, o colesterol protege as membranas contra o comgelemento e mantem a fluidez da membrana.
Thalita: As moléculas de colesterol aumentam as propriedades de permeabilidade das duplas camadas lipídicas. Ela torna a bicamada lipídica menos sujeita a deformações, e assim, diminui a permeabilidade da membrana. estas propriedade e a “barreira de permeabilidade”, não tem duplo sentido vc precisa compreende o que é permeabilidade da membrana. Permeabilidade é que ela deixa "passar por ela" certas substâncias. (lembre- se que a permeabilidade da membrana e seletiva), quando o texto diz “aumentam as propriedades de permeabilildade”, isto e aumenta a barreira de seleção. tongue tongue referencia: A CÉLULA UMA A BORDAGEM MOLECULAR, COOPER, GEOFFREYM. - 3ed. e outra edição. Na minha xerox não tem a edição,

Aila

Mensagens : 4
Data de inscrição : 23/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

importancia da assimetria

Mensagem  Aila em Sex Nov 30, 2007 12:39 pm

Laughing jocolor santa Assimetria da membrana lipídica e importante, pois muitas proteínas citosólicas ligam – se a grupos específicos das cabeças polares de lipídios encontradas na monocamada citosólicas da bicamada lipídica. Exemplo: A proteina- Quinase C ( PKC), e ativada em resposta a vários sinais extracelulares. ela liga – se á face citosólica da membrana plasmática, onde existe uma concentração de fosfatidilserina( situa – se na nonocamada interna ela tem carga negativa), e necessita deste fosfolipidio negativamente carregado para sua atividade. No lado externo da membrana lipidica dos eritrócitos humanos e formado por: fosfadidilcolina e esfingomielina. Na camada interna:fosfatidilserina e fosfatidilletanolamina. bibliografia: Cooper, Geoffrey M.A célula:uma abordagem molecular. Não sei a ediçao pois e xerox- Porto Alegre: Artmed.
affraid

Aila

Mensagens : 4
Data de inscrição : 23/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

estruturas que os lipidios formam

Mensagem  Paula em Sex Nov 30, 2007 4:28 pm

segundo o caderno de Raquel os lipidios formam hormonios sexuais e outros de natureza lipidica, são componentes das biomembranas celulares e podem formar vitaminas que são de natureza lipidica (ex: ADEK). pig
essa resposta ainda está incompleta confused vou ver se acho mais coisas...

Paula

Mensagens : 13
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

as estruturas que os lipidios formam 2

Mensagem  Paula em Sex Nov 30, 2007 4:37 pm

...os lipidios tambem formam micelas, gordura, óleos, pigmentos, ceras (como as de abelha e de carnauba), hormonios esteroides, ácidos biliares. Like a Star @ heaven

http://pt.shvoong.com/medicine-and-health/structural-biology

Paula

Mensagens : 13
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Valeu !

Mensagem  Thalyta em Sex Nov 30, 2007 4:58 pm

valeu aê...
mas fikei em duvida até pq o descutido na aula era q o colesterol, em alta quantidade, deixa a membrana rígida.
aí pensei q assim entao ela fikaria menos permeavel ! é a logica neh? mais rígida=menos permeavel.
Mas agora entendi q vai depender tb da TEMPERATURA, cmo vc colokou aê...
Wink

Thalyta

Mensagens : 12
Data de inscrição : 21/11/2007
Idade : 28

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

+ coisa sobre colesterol !

Mensagem  Thalyta em Sex Nov 30, 2007 5:37 pm

Em células animais, a fluidez da membrana é modulada pela presença do esterol colesterol, o qual está ausente em plantas, leveduras e bactérias. Essas moléculas pequenas, rígidas, estão presentes em quantidades particularmente grandes na membrana plasmática, onde elas preenchem os espaços entre moléculas de fosfolipídios vizinhas que são causados pelas flexuras em suas caudas de hidrocarbonetos insaturados. Dessa maneira, o colesterol enrijece a bicamada e a torna menos fluida e menos permeável

Professorrr.
Encontrei isso na xerox q tenho aqui do livro de bio celular da biblioteca da universidade. Mas como só é um capítulo, não encontrei aqui o nome do autor não. mas segunda eu vou lá na Biblioteca e pego a bibliografia, ok ?
Very Happy

tem + coisaaa:
" O colesterol age como molécula moduladora em membranas, produzindo estados intermediários de fluidez. Se as cadeias laterais acila existirem em uma fase desordenadas, o colesterol apresentará um efeito condensante; se as cadeias laterais acila estiverem ordenadas ou em fase cristalina, o colesterol induzirá à desordem. Com razões colesterolfosfolípedes elevadas, as temperaturas de transição serão abolidas. "
bibliografia: http://www.doctorbio.hpg.ig.com.br/Trabalhos/Antonio%20Carlos%20Martinho%20Junior/Membranas%20Celulares/membranas_celulares.htm

Thalyta

Mensagens : 12
Data de inscrição : 21/11/2007
Idade : 28

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

...sobre proteínas intreínsecas e extrínsecas !

Mensagem  Thalyta em Sex Nov 30, 2007 5:54 pm

Contudo, as proteínas, não só se dispõem de um e de outro lado, como também penetram na camada lipídica, podendo ocupar toda a espessura da membrana.
As proteínas, por seu turno, podem encontrar-se associadas à membrana essencialmente de duas formas distintas: ou se encontram “mergulhadas” na bicamada lipídica e designam-se por proteínas intrínsecas, ou encontram-se aderentes a uma das faces da membrana, designam-se então por proteínas extrínsecas .

BIBLIOGRAFIA:
http://www.dbio.uevora.pt/jaraujo/biocel/ordem.membrana.htm

Thalyta

Mensagens : 12
Data de inscrição : 21/11/2007
Idade : 28

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

COLESTEROL E LIPOPROTEINAS

Mensagem  Roniere Andrade de Brito em Sab Dez 01, 2007 5:02 pm

Pessoas,

Fui à federal e encontrei o seguinte:

AJUDANDO UM POUCO NA RESPOSTA SOBRE COLESTEROL
‘O colesterol possui baixa solubilidade na água isso porque ele tem um resíduo de ácido graxo aumentando a hidrofobicidade (colesteril ésteres → possui acido graxo de cadeia longa → geralmente ácido linoléico → é esterificado no C3 do anel).
O colesterol está presente na membrana mitocondrial interna, mas em pouca quantidade’.
Possivelmente o resíduo de ac. graxo do colesterol se liga ao ac. graxo do membrana formada pelos fosfolipídios deixando a membrana menos fluida.

Das lipoproteínas, achei o seguinte:
Lipídios do sangue são mantidos em solução, ou pelo menos em dispersão, por incorporação em estruturas macromoleculares, as lipoproteínas. As lipoproteínas plasmáticas facilitam o metabolismo de lipídios e a transferência de lipídios entre tecidos. Suas classes: HDL, LDL, IDL, VLDL e quilomícrons. Contem fosfolipídios e um ou mais proteínas denominadas apoproteínas. Lipoproteínas são partículas esféricas com os lipídios mais hidrofóbicos, como colesteril-ésteres e triacilglicerois, localizam-se no centro, seqüestrados para longe da água, enquanto o colesterol livre (não esterificado) fosfolipídios e proteínas ficam organizados na superfície. Os fosfolipídios anfipáticos e as proteínas mantêm os lipídios insolúveis em solução. As apoproteínas da superfície das proteínas também funcionam como ligantes para receptores celulares e co-fatores para enzimas envolvidas no metabolismo de lipoproteínas. Resumindo, as lipoproteínas são vesículas pelos quais colesterol e seus ésteres, e triacilglicerois são transportados no corpo.

Logo mais mando a Bibliografia Exclamation , o livro é sobre BIOQUIMICA PARA ANÁLISES CLÍNICAS, eu acho Question , mas depois confirmo pra vcs affraid .

Roniere Andrade de Brito

Mensagens : 2
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

MEMBRANAS E OUTROS

Mensagem  Roniere Andrade de Brito em Sab Dez 01, 2007 5:12 pm

Dando uma olhada nas msg, Thalita fala sobre a temperatura alterar a fluidez da membrana. vendo os slides do prof. sobre lipidios chego a seguinte conclusão - digam se eu estiver errado Wink : quanto a membrana, um dos motivos por apresentar fosfol. e não ac graxos é a varição do PF e PE dos ac graxos. E como marina disse, os ac graxos geralmente possui uma cadeia longa de C fazendo com que fiquem menos soluvel em agua. E se a concentração de ac graxo for acima da cmc ele se apresenta na forma de micela - OBS única camada de ac graxos fehada.
Bib. aula de Francisco sobre lipídios rabbit

Roniere Andrade de Brito

Mensagens : 2
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Comentarios Gerais

Mensagem  Admin em Sab Dez 01, 2007 5:49 pm

Quanto a referencia que Roniere nao tinha certeza, ela é
THOMAS, M. DEVLILN, Manual de Bioquimica com correlações clinicas, primeira ediçéao editora BLUCHER

E minhas aulas não são referencias confiaveis! affraid De vez em quando os professores também falam besteiras Shocked

No que diz respeito, as estruturas que os lipidios formam ... O que eu quero saber, e o que voces devem procurar, são os tipos de estruturas vesiculares que são formadas, quais os lipidios que formam, como elas são, quais suas caracteristicas, etc.

Por exemplo: procurem algo sobre estrutura de lipossomos!

No mais, o forum esta indo bem! Very Happy

Admin
Admin

Mensagens : 18
Data de inscrição : 20/11/2007

Ver perfil do usuário http://bioquimicauepb.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Membranas celulares

Mensagem  Fernando ramos queiroga em Sab Dez 01, 2007 9:07 pm

Concordo com o conceito de biomacromoléculas. Mas sugiro levar em concideração a etmologia da palavra( macro= grande). Está pode se relacionar com o fato único do grande tamanho e peso molecular de uma substancia. O termo bio, na minha opinião, implica a atribuição de uma atividade biológica, mas stemos que lembrar que compostos como a água também possuem etividade biológica e não são macromoléculas.

Fernando ramos queiroga

Mensagens : 3
Data de inscrição : 23/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Membranas celulares

Mensagem  Fernando ramos queiroga em Sab Dez 01, 2007 9:08 pm

Paula escreveu:o conceito de biomacromoleculas é muito parecido com o conceito de macromoléculas que é: uma molécula orgânica gigantesca, de elevada massa molecular relativa, constituída de unidades estruturais que se repetem. As substâncias constituídas de macromoléculas são denominadas polímeros e, as unidades estruturais que se repetem de monômeros. como exemplo temos: polissacarídeos, lipídeos, ácidos nucléicos e proteínas. Creio que no texto o termo utilizado foi biomacromolécula por ser grandes moléculas relacionadas com atividades biológicas. Very Happy

Fernando ramos queiroga

Mensagens : 3
Data de inscrição : 23/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

biomacromoleculas

Mensagem  Samara Barros em Dom Dez 02, 2007 11:09 am

Rolling Eyes Bom eu achei isso ana apostila de Marcos do semestre passado!!!!!!! Shocked
Arrow As biomacromoleculas têm tamanho e complexidade intermediarios entre as moleculas pequenas e as organelas celulares. Tais como proteínas, carboidratos, lípidios. Na verdade conscitem em moleculas que se agregam, formando macromoleculas.
Tambem encontrei isso- Classe de compostos orgânicos de carbono, nitrogênio, oxigênio e hidrogênio, que constituem o principal componente dos organismos vivos. (
http://br.answers.yahoo.com/question/index?)

Samara Barros

Mensagens : 7
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

membrana celular

Mensagem  Samara Barros em Dom Dez 02, 2007 11:28 am

As fluidez da membrana é importante por muiots motivos, ela permite a ra pida difusção de proteinas, lipidios, etc. Além de permiti a fusão de membranas celulares diferentes(junções celulares).Com isso, em celulas animais a fluidez da membrana é modulada pela presença do colesterol. Essas moléculas rígidas, estão presentes em quantidade relativamente grande, preenchendo espaços entre as moléculas de fosfolípidios vizinhos que são causadas pelas flexuras das suas caudas. dessa forma, o colesterol enrijece a bicamada e a torna menos perméavel (a impermebilidade colabora com a atividade seletiva).
Laughing oh, eu encontrei no livro de FUNDAMENTOS DA BIOLOGIA CELULAR, eu esqueci de pergar o autor!! mas eu vou pegar, ai eu mando! Rolling Eyes

Samara Barros

Mensagens : 7
Data de inscrição : 22/11/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Membranas celulares

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 4 1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum